quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Mação: Diogo veio um ano antes do previsto

 


Octávio Barrocas e Sílvia Lopes, de 36 e 31 anos, sempre quiseram mais do que um filho. Fizeram planos para que o segundo rebento nascesse em 2017, mas o bebé trocou-lhes as voltas e chegou mais cedo, enchendo de felicidade a família. Chama-se Diogo Miguel e nasceu a 2 de outubro, na Maternidade de Abrantes, com 3,925 kg. O irmão mais velho, Tomás, de cinco anos, vive numa enorme euforia desde a chegada do pequenito. "Já pedia um mano há dois anos. E agora trata-o como se fosse só seu, procurando afastar as pessoas que se aproximam do bebé", explica a mãe, rindo-se, e contando ainda que Tomás passa muito tempo a olhar, deslumbrado, para o irmão quando ele dorme e "a dar-lhe beijinhos assim que acorda". "Diz que é o chefe dos manos", completa o pai, Octávio. Este amor enche o coração dos pais, que ainda não decidiram se vão ou não ter mais filhos. "A vida não é fácil", diz Sílvia. Octávio é gerente de uma empresa de táxis e Sílvia trabalha como inspetora de automóveis. Foi a profissão que a levou a ir viver para Mação (é natural do Sardoal, concelho vizinho), onde conheceu Octávio, em 2009. Foi uma paixão arrebatadora. Estão juntos desde então. O casal gosta de viver em Mação. "O concelho é grande mas, no centro, onde vivemos, quase toda a gente se conhece. Parece uma família grande", explica. "É um concelho seguro e tem todos os serviços necessários, como escolas", realça.

Ler notícia AQUI

Fonte: Correio da Manhã

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Despiste mortal

Um homem de 37 anos morreu ontem, dia 01 de setembro de 2016, ao despistar-se com o seu ciclomotor, na Estrada Nacional n.º 244, perto do Pereiro, Mação.
A vítima morava no concelho de Vila de Rei e foi transportada pelos Bombeiros Voluntários de Mação para o Instituto Medicina Legal em Abrantes, a fim do corpo ser autopsiado.